Compra e Venda

Crédito imobiliário traz oportunidades a corretores e imobiliárias


Executivos de financeiras apresentam produtos e serviços que aumentam a rentabilidade de profissionais da intermediação
Live Secovi-SP trata das possibilidade de acessar crédito imobilário 

Na última live realizada pela vice-presidência de Intermediação Imobiliária e Marketing do Secovi-SP, em 7/5, Fabrizio Ianelli, CEO da Credimorar; e Bruno Gama, CEO da CrediHome, falaram sobre o cenário atual do crédito imobiliário e como as imobiliárias podem se servir dele para aumentar suas receitas.

“A queda de 0,75% na Selic não deve influenciar muito nos juros que os bancos já praticam, porque já estão em um patamar muito baixo. Além disso, para que as taxas caiam ainda mais, precisamos analisar a projeção de curva de juros futura, pois as operações de financiamento imobiliário são muito longas. E, para essa curva, não há, no momento, previsão de redução”, afirmou Ianelli, da Credimorar.

Para o executivo, os reflexos da pandemia no desemprego e na consequente redução da renda das pessoas devem fazer com que os bancos elevem a régua das análises de crédito. Precavendo-se de eventuais inadimplências, as instituições financeiras, inclusive, podem aumentar os juros dos financiamentos.

Embora o momento seja nebuloso, Gama, da Credimorar, lembra que estamos vivendo um cenário muito bom para a tomada de crédito imobiliário. “Em 2016, quem financiava R$ 200 mil começava pagando uma parcela de R$ 2,5 mil ao mês. Hoje, para financiar esse mesmo valor, a parcela é de R$ 1,5 mil. O que corretor precisa entender os produtos de crédito imobiliário que tem na prateleira para saber aproveitar essa oportunidade”, frisou.

Como alternativa, aponta produtos como o imóvel cash, ideal para aqueles proprietários que precisam vender seu bem para capitalizar-se. “O cliente deixa o imóvel na imobiliária, e recebe antecipadamente 40% do valor da venda. Desse modo, o corretor consegue trabalhar melhor a venda”, afirmou Ianelli, ao mesmo tempo em que o vendedor não fica financeiramente desassistido.

A CrediHome tem a compra garantida. “Se o cliente não tiver recursos para pagar a entrada, você pode utilizar 40% do valor de um imóvel que ele já tenha para comprar outro”, citou, como exemplo de produto a quem deseja trocar de imóvel.

Outra opção disponível às imobiliárias é o home equity, produto que tanto a Credimorar quanto a CrediHome têm em seus portfólios. De acordo com os executivos, cerca de um terço das pessoas que colocam imóvel à venda o faz por precisar de dinheiro. E esse montante de que necessitam é da ordem de 10% do LTV (loan to value) do bem. O home equity é um forma de atender a essas pessoas sem que tenham de se desfazer de seus imóveis. E, para corretores e imobiliárias, há a vantagem de receber comissionamento pela intermediação de todas as operações

Saiba mais sobre as oportunidades do crédito imobiliário assistindo à live. ​

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas