Institucional

Entidades do setor se reúnem com ministro Paulo Guedes 


Encontro foi promovido para debater alguns aspectos do projeto de Reforma Tributária
Setor imobiliário vai apresentar sugestões ao projeto de Refoma Tributária

Representantes do Secovi-SP, Abrainc (Associação Brasileira das Incorporadoras Imobiliárias) e Aelo (Associação das Empresas de Loteamento e Desenvolvimento Urbano) reuniram-se com o ministro da Economia, Paulo Guedes, no dia 8/7, para esclarecer alguns aspetos do projeto de Reforma Tributária entregue à Câmara.

Durante o encontro, o ministro deixou claro que irá garantir a neutralidade, e que seu objetivo é efetivamente reduzir o imposto de renda das empresas.

Acompanhe o andamento de outros temas objetos da reunião:

  • Dividendos: Paulo Guedes ressaltou que apenas o Brasil e a Estônia não tributam dividendos. Portanto, deve haver a tributação;
  • SPE: Ficou claro que não haverá oneração, ou seja, o pagamento do tributo só será cobrado no momento de distribuição do dividendo ao acionista final;
  • Fundos Imobiliários: O ministro destacou que já existe tributação sobre o ganho de capital de 20% e solicitou uma proposta em relação à distribuição dos rendimentos. Entendeu claramente a importância do FII para a indústria;
  • Holding de Aluguel: Houve entendimento sobre a distorção trazida pelo PL;
  • Loteamento: Houve entendimento do problema e o ministro sugeriu a adoção do RET (Regime Especial Tributário).

As entidades organizarão um grupo de trabalho para desenvolver trabalho com sugestões técnicas, que será enviado ao ministro da Economia.

Fonte: Com informações da Abrainc.

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP 


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • UniSecovi