Administração de Condomínio

Nativos digitais: entender para atender


Sandra Turchi mostra caminhos para conquistar os novos consumidores

O painel “Clientes:  como proporcionar experiências e impactá-los”, que aconteceu no primeiro dia do Enacon, abordou o comportamento dos novos consumidores e os desafios na captação e retenção destes, que são considerados os “digital natives”. Com um perfil de imediatismo por resultados, a conquista deste público passa por ações e práticas inovadoras de marketing e comunicação que exigem experiências, aliadas ao uso da tecnologia, principalmente online.

“É necessário entender para atender”, afirmou a palestrante Sandra Turchi, bacharel em Administração de Empresas pela USP, pós-graduada pela Fundação Getúlio Vargas e MBA pela Business School SP e Toronto University.

Especialista em empreendedorismo, marketing digital e e-commerce e professora e sócia-diretora da Digitalents, a palestrante deixou diversos questionamentos aos presentes quanto às práticas que vêm sendo adotadas em suas vendas. “Já passamos pelo B2B, B2C e B2G. Agora é a hora do B2N”, afirmou. “Vocês sabem o que significa o N?”, questionou. Após presentear com um livro de sua autoria o participante que respondeu “networking”, Sandra explicou este novo momento das vendas. “Temos 140 milhões de pessoas no Brasil com perfis nas redes sociais, conectados em média de 9 horas por dia. Atualmente, chamamos estas pessoas de ‘prossumidor’. São consumidores que, além de comprar, produzem conteúdo, informação e, acima de tudo, influência acerca de suas aquisições. Por isso, a experiência do cliente tem de ser sempre diferenciada,”

Outro aspecto levantado por Sandra  foi a importância de estudar os grandes cases já conhecidos do público, mas nunca deixar a criatividade e o espírito inovador de lado. “Vocês já perceberam que as coisas têm mudado muito rápido? É preciso buscar a novidade, sempre” afirmou. Trazendo para a realidade do mercado imobiliário, apresentou diversas ações que obtiveram êxito ao adotar novas experiências e conquistar os consumidores, como os casos do tour virtual Gafisa, Hub Home Tecnisa, AirBnb, Inside Places (de realidade virtual), Interfone Lello (vencedor do Prêmio Master), entre outros.

Quero ser digital - Mariângela Machado, diretora de Associações em Loteamentos e Bairros Planejados da vice-presidência de Administração Imobiliária e Condomínios do Secovi-SP e coordenadora do painel, também aproveitou para levantar a questão de qual seria o “pacote mínimo” para uma empresa no mundo digital. “E-mail Marketing é uma das poucas ferramentas consideradas antigas que ainda possuem um bom retorno. Além disso, mídias sociais, sites responsivos, SEO e SEM”, concluiu.

Uma exposição de produtos e serviços para o segmento condominial completou a programação do Enacon 2019, que contou com o patrocínio de Bradesco, Atlas Schindler, Intelbras, Comgas, Souza Lima, Vila Velha, Superlógica, Vivo, Empresta Capital, Graber, Group Software, Haganá, Jupiter, Limpidus, Techem, Aster, Pormade e Minha Portaria. Apoio institucional da Aabic (Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo), entre outras instituições representativas do setor imobiliário.

Confira as fotos deste painel.

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas