Notícia

Secovi-SP divulga dados do mercado imobiliário


Imóveis de 2 e 3 dormitórios responderam, juntos, por 82,6% do total negociado em janeiro. Unidades de 2 quartos também foram destaque nos lançamentos

O mercado de imóveis novos inicia 2012 com boas perspectivas A venda de unidades residenciais novas na cidade de São Paulo cresceu 28,7% em janeiro, comparado ao mesmo mês do ano passado. Foram comercializados 1.068 imóveis no mês, diante das 830 unidades de janeiro de 2011.

Em valores, o volume movimentado com as vendas aumentou 17,2%, com R$ 504 milhões no primeiro mês deste ano e R$ 430,1 milhões em igual período de 2011. Atualizando o valor negociado em janeiro do ano passado – R$ 460,4 milhões, pelo comportamento do INCC – Índice Nacional de Custos da Construção, da Fundação Getúlio Vargas –, a alta no movimento na comparação dos meses de janeiro foi de 9,5%.

Em período de sazonalidade, a utilização do indicador Velocidade de Vendas ou VSO (Vendas sobre Oferta) de 12 meses proporciona uma visão melhor que o indicador mensal. O VSO de 12 meses, relativo ao período de fevereiro de 2011 a janeiro de 2012, foi de 58,3%, superior aos 57,2% percebidos no ano passado.

Segmentação e lançamentos

Em janeiro, o segmento de 2 dormitórios foi responsável por 43,7% das unidades escoadas (467 unidades) e o nicho de 3 dormitórios, com 415 unidades, participou com fatia de 38,9%. Em síntese, imóveis de 2 e 3 dormitórios responderam, juntos, por 82,6% das vendas em unidades do primeiro mês de 2012.

Os lançamentos residenciais na capital paulista totalizaram 674 unidades em janeiro, com alta de 12,1% em relação às 601 unidades do primeiro mês de 2011. De acordo com a Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), 62% das unidades lançadas no mês correspondiam a imóveis de 2 dormitórios (418 imóveis).

Considerações

O efeito sazonal nos resultados de janeiro, assim como em fevereiro, prejudica qualquer análise sobre os dados do mercado imobiliário. De qualquer forma, o ano deve superar os resultados de 2011, que foi bom, mas abaixo das expectativas em relação aos excepcionais registrados nos anos anteriores.

Confira a íntegra da Pesquisa, mapas, gráficos e tabelas.

Autor: Maria do Carmo


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas